Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Fotógrafo Jorge Aguiar comemora 42 anos de carreira com exposição

Trabalho sobre vulnerabilidade social fica disponível no Margs até o fim de janeiro

Publicação:

Jorge Aguiar é fotojornalista e seus principais trabalhos abordam o cotidiano de pessoas em situação de vulnerabilidade
Jorge Aguiar é fotojornalista e seus principais trabalhos abordam o cotidiano de pessoas em situação de vulnerabilidade - Foto: Jorge Aguiar

Nesta quinta-feira (7), às 19h, o Museu de Arte do Rio Grande do Sul (Margs) inaugura exposição do fotógrafo Jorge Aguiar, que celebra 42 anos de carreira. A mostra Jorge Aguiar 4.2 - Uma Vida na Fotografia Documental fica disponível nas Salas Negras do Margs até o dia 28 de janeiro de 2018.

Com curadoria do também fotógrafo Eurico Salis, o trabalho de Jorge Aguiar reúne um recorte de dez documentários produzidos nos últimos 20 anos, com o total de 20 painéis sobre o cotidiano de pessoas em situação de vulnerabilidade.

Jorge Aguiar é fotojornalista e trabalhou no Jornal do Comércio e no extinto Diário de Notícias. Participou de exposições internacionais em Portugal, Espanha, França, Japão e Iraque. Também é fundador do Instituto Luz Reveladora Photo da Lata, que ministra oficinas de pinhole a jovens e adultos em áreas de vulnerabilidade social. Em 2003, recebeu o Prêmio Direitos Humanos da Unesco como melhor projeto de divulgação dos direitos humanos no Estado.

Serviço - Jorge Aguiar 4.2 - Uma Vida na Fotografia Documental
Abertura: 7 de dezembro de 2017 (quinta-feira)
Horário: 19h
Período: até 28 de janeiro de 2018
Funcionamento: de terça a domingo, das 10h às 19h
Entrada gratuita

Locais

Conteúdos relacionados

SEDACTEL